Páginas

13 setembro 2011

*

Sou a favor da pena de morte,
Sou a favor da eutanásia,
Mas não consigo ser a favor do aborto,
Acho que dois merecem a oportunidade,
O mundo de ter uma nova pessoa,
Que talvez faça diferença,
Essa pessoa, de fazer diferença ao mundo!

(Joana Maria)



Um comentário:

Thales disse...

Adorei a postagem, impossível não comentar... Não posso ter um opinião definitiva sobre o aborto. Ele estará para sempre ligado à alguma situação específica, onde não se deve haver um norma regulamentadora que diga às pessoas o que fazer, em favor ou contra o aborto. O aborto é um escolha que deve ser tomada por aqueles envolvidos, sem ser de forma alguma condenada, nós tentamos controlar a vida, sim. Através de várias ferramentas, como pena de morte e eutanásia como você citou. Se a sociedade pode decidir quando alguém não merece mais viver, e a condena à morte, ou os familiares que por diversos motivos não prolongam a vida de um parente que está no leito da morte, se isso é aceito, o aborto não é tão diferente. Se você não quer a pena de morte, não cometa crimes que levam à ela. Se você não quer a eutanásia, deixe isso por escrito e avise quem é próximo de você. Se você não quer o aborto, proteja-se e evite gestações indesejadas e despreparadas. Mas lembre-se, isso lhe é permitido no âmbito privado. Os outros tem a liberdade para incorrer naquilo que lhes convier.