Páginas

11 dezembro 2012

Pecador...

Culpados nascemos
De um crime,
Que ninguém cometeu.
Sem julgamento, condenados.
Alguns são perdoados
Outros nunca.
Alguns comem
Outros nunca.
Muitos sofrem 
Dos mais diversos males.
Muitos definham
E gritam por socorro.
Alguns são atendidos
Outros nunca.
Alguns são felizes
Tem tudo o que querem
Outros nunca.
Tanta diferença?
Culpa do pecado,
Pouca fé...
Falta de amor.
Mas se existisse pecado...
Quem seria o maior pecador?
 (Joana Maria)

07 novembro 2012

Coisas...


Durante minha vida
Fiz muitas coisas indevidas.
Que nem me fizeram mais feliz.
Mas será que minha vida seria vida,
Sem as coisas indevidas que fiz?
(Joana Maria)

04 novembro 2012

A vida é tão suprema.
Por mais frios e calculistas
Que tentamos ser...
Ela sempre mostra sua capacidade
De decepcionar e surpreender!
(Joana Maria)

01 setembro 2012

Vida ingrata

Todos os dias de manhã
Eu visto minha armadura,
Coloco minha máscara.
E finjo que a vida é maravilhosa.
Mas nem eu dando esse crédito,
Ela se rende
E deixa de me atormentar.

(Joana Maria)

17 agosto 2012

Prisioneiro

Um dia lá estava você.
Sem nada pra fazer.
Por sua mente vazia...
Um pensamento passou.
Em forma de palavras.
Que ecoavam loucas.
Impertinentes e incontroláveis,
Calmas e silenciosas,
Só pediam pra sair,
Desse cárcere secreto.
Aí está a chave...
A caneta.
Aí está a liberdade...
O papel.
Aí está o libertador...
O poeta!
Mesmo que ao fim,
Se torne o eterno prisioneiro delas!


(Joana Maria)

08 agosto 2012

Saudade

Saudade é dor sem cura.
É viagem sem regresso.
É um sentimento vazio.
A saudade que fere mais.
Não é a saudade de alguém.
Não é a saudade de um lugar.
É a saudade de um tempo.
Tempo esse, que não volta mais...

Joana Maria

17 julho 2012

A paixão...


A paixão nasce
do nada, por nada,
fora de época 
 e sem raízes.
O tempo não aceita 
ser ignorado;
Quer ser 
o senhor de tudo.
Então ela definha
aos poucos.
Ao sabor do vento,
à avidez do tempo!

(Joana Maria)

13 julho 2012

O jogo.


Você pensa que joga
Pensa que pode ganhar...
Doce ilusão. 
A vida joga.
É dona do tabuleiro.
Você não passa
De peça involuntária.
Por mais que dure a partida.
No fim de tudo
Será sempre a peça caída.

(Joana Maria)





29 junho 2012

Sozinho...

A vida tece laços
O tempo transforma em nó
Vai apertando e deixando marca
Vai sufocando e causando dor.
E nos reverses da vida
E nos acordes do mundo
Tudo é sem querer
Não se pede pra nascer
E se morre sem saber.
E apesar de tantos laços
Você é você e você só!
Ninguém sabe, ninguém sente
As pedras do teu caminho.
Desde o nada até o pó... 
Segue sempre sozinho!

(Joana Maria)

16 junho 2012

Fim...

É necessário por um fim nas coisas
Coisas duradouras são tediosas
Prefiro a morte à eternidade
Prefiro o incerto à comodidade
O “até que a morte os separe”,
É o assassinato cruel da felicidade.



 (Joana Maria)

11 junho 2012

só o acaso...

Somos todos frutos do acaso.
Tudo é consequência.
Não existem planos.
Não existe razão.
A vida é só a vida.
A morte é só a morte.
Não existe céu nem inferno,
Nem azar e nem sorte.
Você é só isso mesmo,
Passageiro nessa viagem...
Que é passageira também!

(Joana Maria)

26 maio 2012

20 maio 2012

Há tempos não me encontro.
Necessito vir aqui, derramar-me.
E só assim lembrar de mim, 
Poder matar a saudade,
Do que realmente sou...
(Joana Maria)

13 maio 2012

VIDA...

Meu mundo é cheio de fumaça, guerra, males, fome...
Minha vida é agora,
E só agora viver.
Depois?
Só mesmo a morte, que é tudo que me aguarda.
E eu sou louca?
Não.
Só não tenho necessidade de fugir da realidade!
(Joana Maria)


09 maio 2012

Quem é?

Quem é esse ser tão covarde,
Que vive de ilusões, contos e mitos...
Por não suportar a realidade?

(Joana Maria)

05 maio 2012

Na guerra..

O que importa na guerra,
Não é sair vivo ou morto.
O mais importante
É não permanecer
Sepulto numa trincheira
Imaginando como seria!

(Joana Maria)

01 maio 2012

Especial

Se acha tão especial...
Sim é, nasce com a incrível certeza,
Que mais cedo ou mais tarde,
Servirá de alimento aos vermes.
(Joana Maria)



03 abril 2012

Vai dar certo?

Se gosta de frases perfeitinhas,
lhe dizendo de como, tudo dará certo...
Nunca leia o que escrevo.
"Se não deu certo é por que não chegou ao fim?"
Concordo, está vivo, mas isso só quer dizer que ainda não morreu.
É possível se errar sempre, e é possível não acertar nunca!
É até provável que atinja o alvo, ora ou outra!


(Joana Maria)

01 abril 2012

Tempo...

Como todos os deuses,
Zeus falhou em sua missão.
Cronos continua devorando seus filhos...
Só que mais lentamente!
(Joana Maria)

15 março 2012

E se...

                          E se não fosse pela brevidade da vida
E se não fosse pela finitude das coisas   
E se não fosse pela voracidade do tempo
E se não fosse pela inconstância dos sentimentos
E se não fosse pela espera, do que passa e nem se vê.
E se não fosse pelas chegadas e partidas   
Que graça teria, o tal do “viver”?!?
(Joana Maria)

05 março 2012

Iconoclastas?

Existem iconoclastas recolhendo o pó de velhos ídolos e formando novos.
O ser humano nunca vai se livrar da necessidade de endeusar.
Se não figuras fictícias, figuras reais!
(Joana Maria)

25 fevereiro 2012

Obra de arte...

Você toma a vida; Essa tela em branco.
Pega todas a tintas e se põe a pintar...
Coisas perfeitas passam pela sua mente.
Mas a impressão que fica...
É que sempre nos contentamos com o rascunho!

(Joana Maria)

24 fevereiro 2012

Acreditando...

Em algum momento
Você deixa de acreditar em mitos.
E passa a acreditar em você!

(Joana Maria)



17 fevereiro 2012

Criatura


Criador e criatura se misturam.
Criatura complexa...
Cheia de ciúme, fúria e rancor
Imagem perfeita do criador
Que o criou e a ele se escravizou!
(Joana Maria)

01 fevereiro 2012

Contexto

Sempre diz, que minhas palavras estão fora do seu contexto...
Mas se engana, "contexto", não é a palavra certa.
Eu diria que minha liberdade, não se rende ao seu "cárcere" imaginário!
(Joana Maria)


29 janeiro 2012

Peça


Como peça do tabuleiro
Entro no jogo da vida, 
Para jogar... Só!
Não acredito em sorte
Não acredito em azar.
E no giro da roda,
E no caminhar dos pinos...
É possível acumular  vidas.
Mas tem o lado ruim,
É impossível somar mortes!
(Joana Maria)

17 janeiro 2012

Auto enganação


Como manter viva a fantasia sem deixar a realidade te tocar, te mudar, te transformar?
Eu não fui capaz de manter esse exercício de auto enganação por toda minha vida...
(Joana Maria)

Egocentrismo?


Triste relação onde um se devota, adora, pede, implora, se sacrifica, sofre...
E o outro faz apenas a própria vontade, nunca responde, nunca faz diferença, sempre ausente, mas tem a sorte de se subentender por entre lacunas.
E o primeiro se cala, se anula e aceita,
“seja feita a sua vontade”!
(Joana Maria)

08 janeiro 2012

???

Perguntas serão sempre perguntas...
Mas as respostas, nem sempre serão respostas!

(Joana Maria)

07 janeiro 2012

"Q"

Como escrever?
Tem um "Q" de ironia nessa carinha,
Tem um "Q" de sabotagem,
Mas tem um alfabeto inteiro de carinho...
                              (Joana Maria)

02 janeiro 2012

Em Branco

Eu detesto encontrar a folha em branco,
quando mergulho em minha mente...
é tão vazio, tão deprimente...
Mergulho mais fundo, peneiro, garimpo...
e no fundo, bem no fundo... 
    "Nada"...
E as palavras que se foram...
Foram...

(Joana Maria)