Páginas

29 janeiro 2012

Peça


Como peça do tabuleiro
Entro no jogo da vida, 
Para jogar... Só!
Não acredito em sorte
Não acredito em azar.
E no giro da roda,
E no caminhar dos pinos...
É possível acumular  vidas.
Mas tem o lado ruim,
É impossível somar mortes!
(Joana Maria)

17 janeiro 2012

Auto enganação


Como manter viva a fantasia sem deixar a realidade te tocar, te mudar, te transformar?
Eu não fui capaz de manter esse exercício de auto enganação por toda minha vida...
(Joana Maria)

Egocentrismo?


Triste relação onde um se devota, adora, pede, implora, se sacrifica, sofre...
E o outro faz apenas a própria vontade, nunca responde, nunca faz diferença, sempre ausente, mas tem a sorte de se subentender por entre lacunas.
E o primeiro se cala, se anula e aceita,
“seja feita a sua vontade”!
(Joana Maria)

08 janeiro 2012

???

Perguntas serão sempre perguntas...
Mas as respostas, nem sempre serão respostas!

(Joana Maria)

07 janeiro 2012

"Q"

Como escrever?
Tem um "Q" de ironia nessa carinha,
Tem um "Q" de sabotagem,
Mas tem um alfabeto inteiro de carinho...
                              (Joana Maria)

02 janeiro 2012

Em Branco

Eu detesto encontrar a folha em branco,
quando mergulho em minha mente...
é tão vazio, tão deprimente...
Mergulho mais fundo, peneiro, garimpo...
e no fundo, bem no fundo... 
    "Nada"...
E as palavras que se foram...
Foram...

(Joana Maria)